Aimee Semple | História da Igreja | Harold Willians | Igreja no Brasil
   
 
Menu_01


Não basta carisma, é preciso caráter… (pr. Josué Gonçalves)

Pr. Josué Gonçalves ::::: Não basta carisma, é preciso caráter... 

      Assim como o avião depende das duas assas para se manter no ar, o líder depende de carisma e de caráter para exercer liderança com sucesso duradouro. O líder que ninguém esquece, tem as duas assas: carisma e caráter. O que é carisma? É a habilidade de atrair pessoas em torno de si. Por isso, as multidões seguiam a Jesus. O que é caráter? É um conjunto de hábitos adquiridos ou desenvolvidos ao longo do tempo, que define quem “é” a pessoa. Jesus foi testado, tentado e provado em tudo e concluiu sua missão como “homem” irrepreensível – tinha profundidade de caráter. O comportamento e as atitudes de uma pessoa em tempo de lutas, provações e tentações, diz muito sobre o seu caráter. Isto porque, a melhor maneira de se conhecer o substrato do ser de alguém, é na hora da tentação, do deserto ou da crise. Ao ser tentado pela mulher de Potifar, José do Egito manifestou a profundidade do seu caráter. Se ele não tivesse passado por esse teste de fogo, no qual saiu vitorioso, sua história seria mais uma dentre as muitas. (Gn. 39) São de Geoffrey Wilson as palavras: “As ações dos homens formam um indicador infalível de seu caráter”.
      A grande preocupação de Jesus, no sermão da montanha, era com o caráter dos seus discípulos. Eles não poderiam ser mundo do mundo, nem terra da terra, mas sim luz do mundo e sal da terra, pois foram chamados para fazer a diferença. (Mt. 5:13-15) Ao concluir o sermão no capitulo 7, ele diz que o único projeto de vida que resistira em tempos de provações, seria aquele em que o construtor levou a sério sua palavra e a colocou em prática. Estes são os que se preocuparam com integridade, santidade, honestidade, verdade, pureza, enfim ,com a profundidade do caráter. Gosto de um pensamento anônimo que diz:
     “Reputação é o que os homens pensam que você é; caráter é o que Deus sabe o que você é”. Quando o apóstolo Paulo escreveu para o jovem Timóteo, que assumiria o seu lugar no ministério, tendo em vista que o tempo da sua partida havia chegado, sua grande preocupação era com a profundidade do caráter do seu sucessor. No capítulo dois, da Segunda Carta à Timóteo, ele deixa claro o caminho que o seu substituto deveria seguir ,em busca da excelência e do sucesso como líder:
1. Para fazer a diferença como um líder aprovado, há um preço a ser pago – sofrimento. (2 Tm. 2:3). Ministério é uma chamada para o sofrimento.
2. Saiba a quem você deve agradar no exercício de sua liderança. Quem o alistou? Satisfaça a Ele, Cristo. (2 Tm. 2:4).
3. Não basta chegar na frente; é preciso seguir as normas pré-estabelicidas para ser coroado. Não seja desonesto, estes não recebem o prêmio – (2 Tm. 2:5).
4. O sucesso no exercício da liderança, sempre foi, e será resultado de muito trabalho. Sem trabalho não há colheita digna de festa. (2 Tm. 2:6)
5. Procure ser aprovado no que você faz para Deus. Não adianta ser aprovado pelos homens e reprovado por Deus. (2 Tm. 2:15)
6. Não perca tempo com aquilo que não vale a pena. (2 Tm. 2:16)
7. Não basta você ser um vaso, seja um vaso de honra na grande casa. (2 Tm. 2:20,21)
8. Nunca brinque com aquilo que pode destruir seu projeto de vida; se for necessário, foge disso. (2 Tm. 2:22)


Pr. Josué Gonçalves
Ig. Ass. de Deus - Projeto Família Debaixo da Graça
Tel.: (0xx11)  4033.1122
www.familiadebaixodagraça.com.br

07/10/2010



 

 

 

Copyright 2009 - Igreja do Evangelho Quadrangular
Iracemápolis - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Flexgrafi